• Ogro Comunicação

Em audiência na ALBA, presidente do CEPE Stella Maris reforça luta pela manutenção do clube

Nesta quarta-feira (15), durante audiência pública, na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), sobre os “80 anos de exploração do petróleo no Brasil – do Candeias 1 ao pré-sal e política de preços dos combustíveis”, o presidente do CEPE Stella Maris, Dejair Santana, voltou a defender a manutenção do clube em Salvador. No evento, realizado de forma semipresencial com transmissão pelo zoom, TV Alba e redes sociais da casa legislativa, Dejair pediu apoio dos participantes nesta luta.


Durante a discussão em defesa da preservação da Petrobras e contra a privatização desta que é a maior empresa do Brasil e uma das maiores do mundo, os participantes criticaram duramente o desmonte na Bahia. Dejair destacou a importância do clube para os petroleiros, todo o esforço dos trabalhadores para a construção do equipamento, inclusive com recursos financeiros dos próprios associados, e a função social priorizada pelo grupo.


"Nosso clube não é apenas dos trabalhadores. É de toda sociedade soteropolitana e baiana. Em 34 anos de existência, sempre nos preocupamos em amparar os que mais precisam. Mesmo em meio à pandemia, não deixamos de mobilizar os sócios, arrecandando mais de nove toneladas de alimentos distribuídos às instituições de Salvador", defendeu. O presidente do CEPE Stella Maris também destacou a formação de atletas de alta performance no clube, como Allan do Carmo e Guilherme Caribé, nas maratonas aquáticas, com destaque em competições nacionais e internacionais.


Dejair ainda falou sobre o grande trabalho de preservação ambiental realizado pelo clube junto com o Unidunas. O CEPE Stella Maris está situado na Zona Vermelha do Parque das Dunas e desempenha, há muito tempo, o papel de apoio à preservação e proteção da área.  


A audiência pública foi requerida pelo deputado Hilton Coelho (Psol), atendendo solicitação do Fórum Baiano em Defesa da Petrobras, e contou vom a participação dos deputados Rosemberg Pinto, Bira Corôa, Fátima Nunes e Aderbal Caldas. O Fórum é composto por entidades representativas dos petroleiros: Sindicato dos Petroleiros da Bahia (Sindipetro-BA), Associação dos Engenheiros da Petrobrás, Núcleo-Bahia (AEPET-BA), Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas da Petrobras da Bahia (Astape-BA) e a Associação Brasileira dos Anistiados Políticos do Sistema Petrobras (Abraspet).



12 visualizações